LUIZ GONZAGA É

LUIZ GONZAGA É Luiz Gonzaga é saudade Plantada no coração, É a nordestinidade Pulsante em cada baião, Cada xote, cada forró Luiz Gonzaga é um só Mais vale por um milhão. Luiz Gonzaga é sertão Numa noite enluarada, É xaxado e é baião Num terreiro de latada, É um forró “desbuiado” Pelos dedos “molengados” Conduzindo …

LUIZ GONZAGA É
Luiz Gonzaga é saudade
Plantada no coração,
É a nordestinidade
Pulsante em cada baião,
Cada xote, cada forró
Luiz Gonzaga é um só
Mais vale por um milhão.

Luiz Gonzaga é sertão
Numa noite enluarada,
É xaxado e é baião
Num terreiro de latada,
É um forró “desbuiado”
Pelos dedos “molengados”
Conduzindo a sanfonada.

Luiz Gonzaga é estrada
Dos cantores nordestinos,
É uma fonte iluminada
Por Lampiões Virgulinos
É o barro cru e moldado
É o retrato falado
Bem dizer de Vitalinos.

Luiz Gonzaga é um sino
Anunciando o inverno,
Tem a destreza e o tino
De um sertanejo moderno
Com sua visão futurista
Que soube ser um artista
Que pra sempre será eterno.

Luiz Gonzaga é o terno
Que veste nosso vaqueiro,
Com seu cantar bem fraterno
Magnífico sanfoneiro,
Fiel às suas raízes
Pacificador de crises
Um exemplar brasileiro.

Luiz Gonzaga é o cheiro
Dessa musicalidade,
Do nordeste o primeiro
A abrir portas de verdade
Pelo Brasil espalhando
Seu forró e encantando
A toda sociedade.

Luiz Gonzaga é autoridade
Quando o assunto é sertão,
É como um canção que invade
O alpendre do casarão,
Canta alto, se balança
Se mostra firme e dança
Seja qual for a canção!

Luiz Gonzaga é cacimbão
Onde bebe muita gente,
É a fonte de inspiração
Do sanfoneiro descente
Que com fé no “Padim Ciço”
Mantém firme o compromisso
De tocar a arte em frente.

Luiz Gonzaga é o batente
No oitão da moradia,
Onde a mulher sorridente
Faz do batente sua pia
“Ariando” uma panela
De forma simples, singela
Cantando a Ave Maria.

Luiz Gonzaga é um dia
De adjunto no roçado,
Onde com a maior alegria
A DEUS se pede obrigado
Pela colheita feliz
Enquanto canta a cordoniz
Que dá também seu recado.

Luiz Gonzaga é o brado
Do sertanejo da gema,
É como foice ou machado
Cortando uma jurema,
Despenca de “riba” a baixo
Feito enchente no riacho
Modificando o sistema.

Luiz Gonzaga é poema
Simples, porém composto,
É infinidade de tema
Pra quem escreve com gosto
É o amanhecer de um dia
Irradiando a poesia
Dum fim de tarde em agosto.

Luiz Gonzaga é o sol posto
À tardinha lá na serra,
É a brisa leve no rosto
É o bafo quente da terra,
É a arte em ebulição
É o retratar do sertão
Que nunca mais se encerra.

Luiz Gonzaga é a guerra
Que faz mostrar o nordeste,
Destemido e não emperra,
Que luta, vence e investe
Com a sanfona e sua voz
Guerreou muito por nós
“Caboco”, Cabra da peste.

Luiz Gonzaga é inconteste
De reinado absoluto,
Mesmo na côrte celeste
Continua dando fruto,
Eterna é sua majestade
E será pela eternidade
Um nordestino impoluto.

Luiz Gonzaga é astuto
Criador do nosso baião,
E com seu jeito matuto
Conquistou essa nação
Ano do seu centenário
Verdadeiro relicário
Embaixador do sertão.

Luiz Gonzaga é ação
Da arte do sertanejo,
Que canta com o coração
Que tem no jeito um traquejo,
Que se agarrou ao sucesso
Fez-se o maior do universo
Realizou seu desejo.

Luiz Gonzaga é ensejo
Que nasceu pra ser história,
É do nordeste um festejo
É a alegria compulsória
Que faz chover no sertão
Xote, xaxado e baião
E um gosto bom de vitória.

Luiz Gonzaga é divisória
Na cultura nordestina,
A sua obra é sua glória
A sua arte é sua sina,
Parceiros, compositores
Amigos e seguidores
E o som da sua concertina.

Luiz Gonzaga é neblina
Num fim de tarde bem quente,
É a cantiga matutina
Dum cantador de repente,
É triângulo tilintando
É zabumba zabumbando
E uma sanfona plangente.

Luiz Gonzaga é nascente
Jorrando a sua magia,
É o casamento contente
Da sanfona e a poesia
É o vaqueiro aboiando
E o gado todo juntando
No final de mais um dia.

Luiz Gonzaga é a energia
Própria do nosso “caboco”,
Fez da sanfona sua guia
Pra lhe tirar do sufoco,
Exemplo de perseverança
Fez do adulto a criança
Dançar “sala de reboco”.

Luiz Gonzaga é um pouco
De tudo que o sertão tem,
De coisa bela, de louco
Dum “toicizim” com xerém,
Dum “caboco” “inzambuado”
Com a morena atracado
Só dançando o xenheném.

Luiz Gonzaga é um bem
Que faz um bem de verdade,
Pra quem herdou e mantém
Toda a sua humildade,
É de DEUS um abençoado
Rei eterno e aclamado
Por toda posteridade.

Luiz Gonzaga é vontade
De melhorar o sertão,
É a voz da liberdade,
Da arte e indignação.
Da mais pura inteligência
Pela sua irreverência
Com a sanfona e o gibão.

Luiz Gonzaga é inspiração
Que fala alto em meu peito,
Por ser fã de Lampião
Vestia-se do mesmo jeito,
Homem de boa cachola
Foi professor sem escola
Foi um honrado sujeito.

Luiz Gonzaga é respeito
Respeitado e respeitoso,
Mesmo sem cursar Direito
Advogou corajoso,
Em favor dos oprimidos
Dos menos favorecidos
Por isso que é grandioso.

Luiz Gonzaga é valoroso
Filho de seu Januário,
Exuense primoroso
De ambiente agrário,
Da Fazenda Caiçara
Na qual foi sua seara
E seu maior itinerário,

Luiz Gonzaga é cenário
De noite de São João,
Onde o rico imaginário
Do povo bom do sertão
Faz o maior arraiá
Que é pra poder festejar
Cem anos de Gonzagão.

Luiz Gonzaga é lição
Que o nosso povo carece
De força e superação
De arte, de Amor e prece,
Cem anos desse “caboco”
Que cantou de tudo um pouco
E o mundo todo o conhece.

Luiz Gonzaga oferece
Mesmo depois de partir,
A música que enriquece
Quem se propõe a ouvir
Tal e qual uma rendeira
Faz da arte a verdadeira
Identidade do “sentir”.

Assim tentei definir
Com inspiração e fé,
Não foi fácil resumir
Acho pretensão até,
Fazer versos a granel
Tentar botar num cordel
O que Luiz Gonzaga é.

ADAUBERTO AMORIM

Share this Story
Carregar mais Posts Relacionados
Carregar Mais Por Jimmy Macedo
Carregar Mais Em Música

Comente

Your email address will not be published.Campos obrigatórios são marcados *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Veja Também

Anavitória em Juazeiro do Norte

O Dueto formado pelas talentosas Ana Caetano e Vitória Falcão fará apresentação este semestre em Juazeiro do Norte - CE.

Sobre Jimmy Macedo

Profissional de marketing digital e comunicação, Jimmy é um grande entusiasta da cultura e entretenimento. Amante de música, idealizou este portal para colaborar de forma efetiva com o cenário que tanto o diverte e inspira.

Últimas

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades por email

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.

Instagram

  • @pefabiodemelo emociona público no seu show
  • @nandoreis no palco da @mostrasescdeculturas #tonamostra
  • O show mais lindo do ano❤
O penúltimo show de carreira do 
@pefabiodemelo 
Um show pra ficar na história do nosso cariri! Uma benção🙌🏽 Show - “O amor me elegeu”

pelo site: bilheteriavirtual.com.br
Ponto de venda oficial: 
LaPlaza Shopping: loja Adriana Semi Joias
Informações: 88 99659.9304

#padrefabiodemelo#cariri#crato#umabenção#penultimoshowdecarreria#imperdivel#palavrasqueconfortamaalma#cançõesineditasquealimentãoaalma
#oamormeelegeu
  • O Lote vai virar, corra e garanta já o seu ingresso nos pontos de vendas: Pontos de Vendas:
◾Loja iPlace - Lá Plaza Shopping (Juazeiro)
◾Escritório Yury Paredão ◾Posto Palmeiral (Crato) 🖥Vendas Online: Ticket Premium 📞 Informações: (88) 3085-1776 ⏱🎟🚨 #EmbaixadorInCariri #JonasEsticado #GusttavoLima #EuVouEmbaixadorInCariri @yuryparedao
  • 🎭Abram a roda e deixem o espetáculo de rua entrar. 🎭 ➡ Já estão sabendo? Quinta é dia de mistério na UFCA. Em primeira mão, "Sonho de Uma Noite de Verão" na versão Cariri. A obra de  William Shakespeare foi adaptada, a partir do vocabulário característico do região, para linguagem de cordel. 
Se transformado numa narrativa cheia de elementos da cultura caririense. 👹Tem Mateu, tem fadorinhas,  Soldadinho do Araripe, coco, maracatu, música cabaçal e até forró. 
Venham todos, o espetáculo já vai começar!
🗓 07 de novembro de 2019, às 17h
📍Pátio da UFCA – Campus Juazeiro do Norte
  • #música #cariri #mostrasesc #tonamostra
  • #musica #mostrasesc #tonamostra #cariri
  • #musica #cariri #tonamostra #sesc

Siga-nos!