Extrema pobreza cresce e desigualdade atinge nível record no Brasil

Por estado, o Maranhão tem a maior proporção de pobres




Extrema pobreza cresce e desigualdade atinge nível record no Brasil

Foto: Agência Globo

A extrema pobreza atinge 135 milhões de brasileiros. Nos últimos quatro anos, mais de 4,5 milhões de pessoas foram levados para essa condição que é resultante da crise econômica no país. Os dados são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgados na manhã desta quarta-feira (6).

Em 2018, chegou a 13,5 milhões o número de brasileiros vivendo abaixo da linha da extrema pobreza – 4,5 milhões a mais que em 2014, quando o país vivia sob os patamares mais baixos de desemprego. É o maior contingente de pessoas nesta condição na série histórica do estudo, iniciada em 2012.

O rendimento médio dessas pessoas foi de R$ 69 por mês. O valor é bem abaixo do padrão definido pelo Banco Mundial para estabelecer o recorte de pobreza. Pelos critérios da instituição são considerados extremamente pobres aqueles que vivem com até com até US$ 1,90 por dia — o equivalente a cerca de R$ 145 por mês.

Por estado, o Maranhão tem a maior proporção de pobres, com 53% da população nesta condição, enquanto Santa Catarina tem a menor proporção, com 8%.

Segundo o IBGE, é considerado em situação de extrema pobreza quem dispõe de menos de US$ 1,90 por dia, o que equivale a aproximadamente R$ 145 por mês. Essa linha foi estabelecida pelo Banco Mundial para acompanhar a evolução da pobreza global.

Carregar mais Posts Relacionados
Carregar Mais Por Joedson Kelvin
Carregar Mais Em Brasil

Sobre Joedson Kelvin

Jornalista formado pela Universidade Federal do Cariri (UFCA). Fotógrafo experienciador que vê, escreve e sente, não necessariamente nesta ordem.

Últimas

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades por email

Mantemos os seus dados privados e os compartilhamos apenas com terceiros que tornam este serviço possível. Leia nossa política de privacidade.

Instagram

  • O texto do projeto prevê o pagamento para trabalhadores informais e  microempreendedores individuais (MEI). Poderão ser pagos até dois benefícios por família.

Saiba mais sobre o benefício acessando o link na bio. 
#fooba #brasil #coronavirus #politica #beneficio
  • Um dos jeitos de permanecer perto da arte e da cultura é acompanhando "Tudo em Casa". O  novo projeto do Sesc permite que a instituição continue nos oferecendo entretenimento e conhecimento.

Saiba mais sobre o festival acessando o link na bio.

#fooba #cultura #sesc #quarentena #coronavirus #musica
  • Na Coluna de hoje, Paulo Rossi escreve sobre a estratégia que Bolsonaro parece seguir e como ela afetará todos nós. A aposta do colunista é fracasso ao final. Leia já, link na bio.
(Crédito da imagem: @insoniascarvao)
  • Quais características definem um grande líder? Bom-senso, perspicácia, proatividade, coerência, inteligência; certamente, estas são algumas indispensáveis. Todavia, o que estabelece a ineficiência de um líder?

Tem texto novo na coluna do @paulojralves ❤️
  • O ficaemcasa.ce  irá reunir  21 músicos cearenses de diferentes estilos em 3 dias de festival gratuito e online. Transmitido diretamente do  Instagram de cada artista.

Saiba mais acessando o link na bio.

#fooba #ceara #musica #coronavirus #festival
  • Os casos de coronavírus confirmados no Brasil subiu para 1.898 e que 34 mortes já foram registradas no país. 30 em São Paulo e 4 no Rio de Janeiro.

Saiba mais acessando o link na bio.

#fooba #coronavirus #casos #brasil #saude
  • FIQUE EM CASA: Saindo esta semana excepcionalmente na sexta-feira, a Coluna de @eipaulorossi de hoje traz 5 dicas para você aproveitar a sua quarentena da melhor maneira possível. Corre ler! :)
  • Tanto a frota de ônibus do sistema urbano, que funciona em Juazeiro do Norte, como como do sistema intermunicipal, ligando a cidade à Barbalha, Missão Velha e Crato serão paralisadas.

Saiba mais acessando o link na bio.

#cariri #fooba #onibus #coronavirus #viametro

Siga-nos!